Publicidade

Socorro Pimentel critica atrasos nas bolsas do Proupe em Pernambuco



Durante a Reunião Plenária de ontem (22), na Assembleia Legislativa, a deputada estadual Socorro Pimentel (PSL) fez queixas relacionadas ao Programa Universidade para Todos em Pernambuco (Proupe). Socorro deu voz às demandas das autarquias municipais de ensino superior, as quais solicitam que o Governo do Estado regularize o pagamento das bolsas e garanta a publicação de novos editais de seleção.

No pronunciamento, a parlamentar fez referência à Lei Estadual nº 14.430/2011, de autoria do ex-deputado Raimundo Pimentel, que institui o Proupe, e estaria sendo descumprida. 

“Esse incentivo é de extrema importância para a melhoria da formação de professores para a rede estadual, principalmente no Interior, e também para garantir o acesso à educação a alunos carentes das 13 autarquias”, observou.

Socorro citou como exemplo o caso da Autarquia Educacional do Araripe (Aeda), que apresentou queda de 997 bolsistas em 2015 para 756 neste ano. “Além disso, os inúmeros atrasos nos repasses vêm causando transtornos financeiros para as instituições, que possuem receita extremamente comprometida”, afirmou.