Publicidade

Protesto marca 7 dias do assassinato de professora em Santa Cruz, PE



G1

Foi realizada nesta quinta-feira (17) uma manifestação para pedir paz em Santa Cruz, no Sertão de Pernambuco. O ato marca os sete dias da morte de uma professora da cidade, que foi brutalmente assassinada dentro de casa. Ela foi morta pelo marido com golpes de faca e martelo. Após cometer o homicídio, ele escondeu o corpo da mulher embaixo da cama de sua residência, onde vivia com os três filhos.

O esposo da professora tem 33 anos e também é acusado de abusar da filha de 13 anos, que está grávida. O motivo do crime seria a gravidez da adolescente. O homem está preso e deve cumprir pena pelo homicídio.