Publicidade

Vigilância Sanitária de Petrolina apreende mais um lote de produtos sem registro


Atendendo a mais uma denúncia da população, a equipe de fiscalização da Vigilância Sanitária de Petrolina apreendeu hoje (29) produtos considerados “medicamentos naturais” sem o registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) ou do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), mesmo contendo o ano do lote e de fabricação. Os produtos clandestinos eram vendidos porta a porta no bairro Areia Branca.

De acordo com o diretor-presidente do órgão, Jarbas Costa, a população corre sérios riscos ao adquirir produtos desse tipo. “É importante que a população não compre produtos sem registro e identificando a venda ilegal acione os órgãos competentes. As pessoas podem ligar para 3864-2738 de segunda a sexta e registrar sua denúncia ou ir à sede da Vigilância que fica no prédio da AME da Areia Branca”, reafirmou Jarbas.

Durante a inspeção foram aplicados os autos de infração, apreensão e aberto inquérito administrativo, bem como a aplicação de multa.